Desventuras em Série - Resenha Especial

Livro: Desventuras em Série
Autor(a): Lemony Snicket
Ano: 2011
Páginas: 3040 (Os 13 livros)
Editora: Seguinte
Avaliação:
 


Sinopse: 
A série narra as aventuras de três irmãos muito inteligentes, os órfãos Baudelaire. Violet Baudelaire, a mais velha, é uma inventora e tem quatorze anos quando a série se inicia; Klaus Baudelaire, o irmão do meio, é um grande leitor e tem doze anos no começo da trama; e Sunny Baudelaire, a caçula, é uma menininha de três anos que gosta de morder objetos e fala em uma linguagem compreensível apenas para seus irmãos (sua fala vai se desenvolvendo ao longo da série). A história parte do momento em que as crianças são informadas de que seus pais faleceram em um terrível incêndio que ocorreu em sua mansão, destruindo-a. No primeiro livro, as crianças vão viver sob tutela de um primo distante, o Conde Olaf, um homem terrível e pouco higiênico que tenta roubar a enorme fortuna que seus pais lhes deixaram.Em cada livro as crianças são levadas a um novo tutor excêntrico; o Conde Olaf sempre os acha onde quer que estejam, aparecendo em disfarces ridículos com um plano diferente para roubar a fortuna das crianças. 

Desventuras em Série vai contar os infortúnios dos órfãos Baudelaire, começando pela mais velha, Violet é uma menina de quatorze anos,inteligente e aspirante a inventora, quando amarra sua fica em seus cabelos já se sabe que logo vamos ter uma solução para algum problema, Klaus, o do meio, tem doze anos e é um grande leitor, já leu quase todos os livros da antiga biblioteca de seus pais, Sunny, caçula, tem apenas três anos e adora morder coisas, ainda não sabe falar direito por sua pouca idade, logo no começo já se percebe como vai ser a história, a casa dos Baudelaire é queimada e os pais morrem, as crianças então tem de ficar passando de parentes sempre que o Conde Olaf, que só quer o dinheiro deles, os capturem.



Com certeza essa Série conseguiu me prender e me encantar ao máximo, a cada livro, me sentia mais ansioso para saber o futuro dos pobres Baudelaire, desde o primeiro livro, a emoção é grande, toda a ansiedade e a vontade de conseguir desvendar os mistérios sobre Conde Olaf e sobre os parentes dos Baudelaire é incrível, Lemony Snicket fez um trabalho extremamente bom com a narrativa e com os personagens, todos os lugares, emoções e pensamentos dos órfãos eu claramente conseguia imaginar e em alguns, refletir, sobre como tudo fazia sentido e como tudo foi bem elaborado. Se você interromper qualquer um dos livros numa certa parte, se consegue criar um novo final.


A edição que tenho é com todos os 13 livros, que foi, certamente, um bom investimento, claro que, se parar pra pensar, o livro tinha algumas partes que sempre alguém não vai ficar satisfeito; As capas são incríveis e a diagramação é ótima, em um dia se consegue ler vários dos livros, as cores nas lombadas deixam a estante muito mais bonita, o selo Seguinte (Originalmente, o titulo foi lançado pela Companhia das Letras e não pelo selo), realizou um bom trabalho em todo o livro.

Além dos livros, existe também o filme, de mesmo nome, que conta a história apenas dos três primeiros livros, em minha opinião, o filme é bom, só que tem aquele caso que se repete,  é uma total distorção do livro e tem uma grande "má interpretação", muitas cenas foram tiradas aleatoriamente de outros dos 13 livros, Meryl Streep e Jim Carrey estrelaram o filme e o fizeram ficar ainda melhor.

Bem, foi isso pessoal e até semana que vem!



3 comentários:

  1. Eu nunca li nenhum dos livros da série, mas olha, juro que ainda lerei um dia, pelo menos o primeiro para testar a leitura e ver se darei continuidade, mas acredito que eu vá me apaixonar imediatamente!!

    Beijo, Vanessa Meiser
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Van!
      Também não li ainda essa série!
      Fiquei sabendo que vai sair a série pela Netflix! :D
      Vamos ver!
      Beijos!

      Excluir
    2. Oi Vanessa!

      Se você ama aventura, suspense e vilões malucos, essa série é perfeita!

      Excluir